sexta-feira, 1 de maio de 2009

CAMPEÃO


Ayrton Senna da Silva. O CAMPEÃO morreu há 15 anos. Num brutal acidente que ainda hoje está por explicar.

O capacete amarelo era a imagem de marca...
Foi o maior piloto de Fórmula 1 de sempre!
Qual Scumacher, qual quê... nem a brincar...


Senna foi e será sempre o MAIOR. Era um piloto completo, espectacular. Que dava espectáculo.


Onde os outros travavam, ele acelerava. Nem a chuva o fazia tirar o pé do acelerador.

Um piloto apaixonado pela velocidade e que apaixonava quem o via correr.


Senna fez-me viver os momentos mais altos de um desporto que hoje deixou de ter interesse. O duelos com Mansell, Piquet ou Prost vão para sempre ficar na minha memória e na história da Fórmula 1.


Não haverá outro como ele. É impossível repetir SENNA, o CAMPEÃO!

6 comentários:

NG disse...

Desculpa, mas o Schumacher é grande. Muitas noites perdi para ver, finalmente, a Ferrari ser campeã.
Será uma questão de geração, mas apesar de ter visto uma vez o Senna ao vivo, não me diz tanto como o Schumacher - é o meu Benfica da F1.

BHS disse...

Guedes, o Schumacher nunca teve adversários à altura. Apanhou o Senna pouco tempo antes de morrer.
O Senna apanhou 3 monstros, cada um à sua maneira. Prost, sempre àdefesa mas a fazer tudo muito bem e a ganhar pontos; o Mansell, um verdadeiro animal, mesmo sem carro dava sempre luta; e o Piquet que foi outro campeão.

Hoje a Formula 1 as vitórias são decididas nas boxes, nos reabastecimentos ou na troca de pneus. Ou antes disso, quandos os carros são muito superiores e afastam qualquer possibilidade de competição!

tony disse...

cada um na sua geração mas sim antigamente havia muita mais competição...agora aparece um Rookie como o Hamiltone ganha logo...por manhas e por ter um carro superior aos outros.
Desses campeões todos falta-te um, o Nikki Lauda. Alto carisma que tinha o tipo. Nessa altura, tb eu via a Formula 1...no domingo a seguir ao almoço...agora só passa na Sport Tve perdeu todo o interesse.

Anónimo disse...

Já não me lembro se isto foi verdade, se foi uma história mal contada que me ficou na memória. Mas nos meus ricos 10 anos passei a detestar o Schumacher por ter comemorado a vitória quando o Senna morreu.

Ainda me lembro do funeral... uma coisa impressionante.

LV

Anónimo disse...

Olá Guedes!
Uma pesquisa me levou a seu blog e deparei com a postagem sobre o Senna que foi o meu ídolo no esporte.
Gosto e muito de formula 1, apesar de ser mulher.
Mesmo reconhecendo o valor de Schumacher, penso que Senna é imbatível.
Lamento que as corridas hoje em dia trocaram a beleza da competição pela competência dos potentosos carros.
Mas bom mesmo era ver bons pilotos dando tudo de si.
Um grande abraço!
Suely

frank disse...

Hi, nice post. Would you please consider adding a link to my website on your page. Please email me back and I would be happy to give you our link.

Thanks!

Frank
frank641w@gmail.com